segunda-feira, 3 de agosto de 2009

MULHER MORRE DURANTE RELAÇÃO SEXUAL


O fato ocorreu na noite desta sexta-feira (31/07) no município de Ji-Paraná, uma mulher de 42 anos morreu durante a relação sexual vitima de AVC
Uma mulher de 42 anos, casada funcionária de uma grande empresa de Ji-Paraná morreu na noite desta sexta-fera (31/07) vítima de Acidente Vascular Cerebral (ACV) no momento em que ela estaria mantendo relação sexual com o seu "suposto" amante.
O laudo legista teria apontado o rompimento de uma veia do lado esquerdo da cabeça, causando hemorragia cerebral, mas conhecido por Acidente Vascular Cerebral (AVC). O caso foi levado ao conhecimento das autoridades policiais.
A imprensa tomou conhecimento do fato quando realizava cobertura jornalística da prisão de um suspeito de envolvimento com o trafico de drogas. Na sala do comissariado estava um homem comunicando que estava em casa, acompanhado da sua "suposta" amante e em determinado momento a mesma começou a se sentir mal.
"Entrei em desespero e a primeira atitude foi procurar a delegacia, acompanhado de um amigo advogado". O comissário de plantão, por sua vez, acionou o Corpo de Bombeiros que ao chegar à residência, observou que a mulher estava sem os sinais vitais. Sem lesão e sinais de brigas
Também no local foi chamada a Polícia Técnica, e segundo o perito, nenhuma lesão externa no corpo da mulher foi encontrada. Também não foi observado qualquer indício que tenha ocorrido vias de fatos entre o casal. Na manhã deste sábado (01/08) um legista examinou o corpo e constatou que a mulher foi vítima de AVC (Acidente Vascular Cerebral) após umas das veias da cabeça ter se rompido, e com isso, causado hemorragia interna.

Nenhum comentário: